A equipe do Selo UNICEF no Ceará participou da articulação e compôs a mesa do Encontro Cada Vida Importa, nesta segunda-feira (30/8), uma iniciativa do Comitê de Prevenção e Combate à Violência da Assembleia Legislativa do estado. O evento contou com um público de mais de 200 espectadores e reuniu prefeitos e prefeitas, técnicos municipais e articuladores e mobilizadores do Selo UNICEF de 115 municípios do Ceará. A agenda teve como foco a sensibilização sobre a prevenção de homicídios de adolescentes e antecede a Semana Cada Vida Importa, que ocorrerá de 8 a 12 de novembro próximo.

O encontro ocorreu de forma híbrida – alguns integrantes participaram da sede da Assembleia Legislativa do Ceará e outros entraram virtualmente, a exemplo dos oficiais do UNICEF.

A programação foi aberta pelo presidente da Assembleia Legislativa cearense, deputado Evandro Leitão (PDT-CE), e conduzida pelo deputado Renato Roseno (PSOL-CE), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Casa e coordenador do Comitê de Prevenção e Combate à Violência. “Prevenção é não permitir que a violência se instale. A prevenção começa no município”, declarou Roseno, destacando a cooperação entre o UNICEF e o Legislativo estadual. “Queremos avançar nas proposições feitas pelo Selo UNICEF na última edição de prevenir todas as formas de violência”, salientou.

O chefe do escritório do UNICEF em Fortaleza, Rui Aguiar, apontou caminhos de prevenção da violência letal de adolescentes, com protagonismo das prefeituras municipais, que dialogam com atividades previstas no Selo UNICEF, como Busca Ativa Escolar, implementação de medidas socioeducativas e garantia do cumprimento da Lei de Aprendizagem. “Há muitas ações que já podem ser feitas com os recursos que temos nos municípios”, reforçou.

Rui Aguiar ainda antecipou a concepção de um projeto, em parceria com a Assembleia Legislativa do Ceará, que envolve um grande acordo de criação de oportunidades para adolescentes do interior do Ceará. Também acompanhou o evento o oficial de Proteção do UNICEF do escritório de Recife, Augusto Souza, que elogiou o trabalho de prevenção da violência letal de crianças e adolescentes desenvolvido no Ceará e lembrou que a experiência é referência para municípios de diferentes estados do país.

A mobilização para o encontro ocorreu com parceria da Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Estado do Ceará (APDMCE), entidade implementadora do Selo UNICEF nos estados do Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. A secretária executiva da instituição, Suellem Fortaleza, participou da mesa de debate representando a presidente Sônia Fortaleza. “O tema da violência sensibiliza, e essa questão dos homicídios avança para os municípios do interior, por isso a importância de os municípios estarem à frente dessas ações de prevenção”, ressaltou.

Também participou da mesa o consultor em Saúde da Associação dos Prefeitos do Ceará (Aprece) e médico sanitarista, João Ananias.

A realização da Semana Cada Vida Importa está prevista na Lei nº 16.482, de 19 de dezembro de 2017, que institui a Semana Estadual de Prevenção aos Homicídios de Jovens, com foco no desenvolvimento de ações preventivas que contemplem o público mais afetado e vulnerável. No Ceará, o UNICEF é parceiro do Comitê de Prevenção e Combate à Violência na produção de diversos relatórios com diagnósticos sobre a violência nos municípios e pesquisas de campo.